Ferritina alta, o que pode ser?

A ferritina é uma proteína produzida principalmente pelo fígado, cujas funções são: carregar ferro e mediar o processo de inflamação.

Causas de aumento da ferritina:

Sobrecarga de Ferro: a Ferritina poderá estar elevada quando há sobrecarga de ferro, porém essa é a causa menos frequente de aumento da ferritina. As outras causas são muito mais frequentes.

Inflamação: na presença de um processo inflamatório agudo e crônico ou de uma ativação do sistema imunológico, assim como ocorre com outros marcadores bioquímicos, a ferritina eleva-se – ou seja, quando estamos diante de gripe, pneumonia, câncer, gastroenterite e, até mesmo, simples resfriado, os níveis sobem.

Alcoolismo: a ingestão de bebidas alcoólicas podem afetar o fígado (inflamação) e aumentar a ferritina.

Doenças do Fígado: as doenças do fígado, como a cirrose, as hepatites e a esteatose – que é o acúmulo de gordura no fígado, podem elevar a ferritina.

Obesidade: cada vez mais presentes a obesidade e a síndrome metabólica (combinação entre acúmulo de gordura visceral, resistência insulínica, hipertensão arterial e alterações nos níveis de colesterol e triglicérides) causam aumento da ferritina.

Leia também:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *