Pressão alta pode alterar resultado do exame de Gama-GT?

Pressão Arterial alta altera GGT? Eu fiz exames e as enzimas: AST, ALT e as bilirrubinas estão normais mas o GGT está alto: 200 U/L. Fiz um exame para ver gordura no fígado e deu normal também. O perfil lipidico e a glicemia estão normais. O que pode estar acontecendo?

A pressão alta ou hipertensão arterial, geralmente, não causa, por si só, aumento do Gama GT, porém alguns remédios utilizados no seu tratamento e controle podem sim afetar o fígado e dessa forma causar elevação dos níveis de GGT. Precisa conversar com seu médico, revisar sua medicação e se necessário ele pode ou deve fazer a substituição da medicação.

One thought on “Pressão alta pode alterar resultado do exame de Gama-GT?

  1. Mario

    Sou homem, com 34 anos, Engº Informático, pelo que tenho uma vida muito sedentária. Não faço exercício físico e tenho uma alimentação desregrada, com pouquíssimas verduras e pouca fruta e quase sempre à base de carne.

    Nos meus tempos de estudante, abusei no álcool e há cerca de 3 anos fiz um checkup geral.
    Tinha o colesterol bastante alto, os triglicerídeos também e um aumento da Gama GT (119 salvo erro).

    Fiz uma dieta e não toquei em álcool por 3 meses e tudo ficou normal.

    Mas por causa do Gama GT, fiz vários exames, entre eles uma ecografia abdominal, que revelou figado gorduroso, e difusamente heterogêneo.

    Desde aí, o consumo de álcool é muitíssimo esporádico, mas a alimentação continuou a ser má.

    Fiz agora novos exames de rotina e tenho o colesterol e triglicerídeos elevados, e o Gama GT a 80 (todas as outras enzimas estão dentro dos intervalos). O que me deixou um pouco assustado. Eu vi que há laboratórios onde o intervalo desta enzima é de 85 no máximo, mas neste era de 66. Também li que abaixo dos 100 normalmente não é preocupante, mas a verdade é que não tiro isto da cabeça.
    Vim pesquisar à internet e vi que um dos sintomas da cirrose é o eritema palmar, ora eu tenho as palmas das mãos avermelhadas, mas tenho ideia de ter sido sempre assim, seja como for ando bastante preocupado.

    Gostaria de saber a opinião do Dr. sobre este quadro.

    Resposta:
    a única maneira de definir com certeza se você tem ou não cirrose seria exames mais invasivos do fígado, converse com um hepatologista sobre a sua preocupação e ele lhe esclarecerá qual é o melhor a fazer tanto quanto em relação a investigação e quanto ao tratamento.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *